Menu

RÁDIO FUTEBOL TOTAL
      ESPORTES, NOTÍCIAS, MÚSICAS E TUDO O QUE VOCÊ QUER OUVIR
                            A Rádio da Verdade

Parabéns Bragantino - 27 anos do título Paulista

26 AGO 2017
26 de Agosto de 2017

Já são 27 anos da conquista do Paulistão pelo Bragantino, 26 de agosto de 1990 o Bragantino comemorava sua maior conquista, o título Paulista.

Era um domingo à tarde, Estádio Marcelo Stéfani lotado, mais de 15 mil pessoas presentes para acompanhar a final do Campeonato Paulista, um jogo histórico, uma final histórica entre duas equipes do interior: CA Bragantino x GE Novorizontino.

A cidade de Bragança Paulista literalmente parou...

Depois de um empate em 1 a 1 no primeiro jogo em Novo Horizonte (gol de Gil Baiano), o Braga jogava por mais dois empates, no jogo (tempo normal) e na prorrogação. E foi justamente o que aconteceu: 1 a 1 no tempo normal e 0 a 0 na prorrogação.

Tiba foi considerado o herói do titulo, pois marcou aos 26 minutos da etapa final o gol que garantiu a conquista. O Novorizontino vencia por 1 a 0, e a apreensão no estádio começava a tomar conta do torcedor.

O gol tinha que ser chorado. Tiba recebeu o passe, invadiu a área e bateu cruzado. A bola ainda tocou no poste direito de Maurício, goleiro adversário, antes de entrar.

O Bragantino foi a campo com: Marcelo, Gil Baiano, Junior, Carlos Augusto, Biro Biro, Mauro Silva (Franklin), Ivair, Mazinho (Robert), Tiba, Mario, João Santos. Téc: Vanderlei Luxemburgo

Na decisão contundido o capitão do Bragantino Nei não pode atuar.

Parabéns Bragantino – Campeão Paulista de 1990

CAMPEONATO PAULISTA 1990

CAMPEÃO: BRAGANTINO

ARTILHEIRO: Volnei - Ferroviária, Rubem - Guarani e Alberto - Ituano (12 gols)

TIME-BASE: Marcelo; Gil Baiano, Júnior, Nei e Biro-Biro; Mauro Silva, Ivair, Mazinho e João Santos; Tiba e Mário. Técnico: Wanderley Luxemburgo.

CAMPANHA

37 jogos - 18 vitórias, 12 empates, 7 derrotas - 43 gols pró, 22 gols contra

FINAIS

Primeiro jogo

22 de agosto de 1990       

Novorizontino 1 X 1            Bragantino  

Estádio Jorge Ismael de Biasi, Novo Horizonte

Gols: Édson Gol 41' (1ºT)  e Gil Baiano Gol 23' (2ºT)

Público: 15.000

Renda: Cr$ 8.400.000

Árbitro: Edmundo Lima Filho

Novorizontino: Maurício, Odair, Fernando, Válter e Jerônimo; Luís Carlos Goiano, Tiãozinho (Marcão) e Édson; Paulo Sérgio, Barbosa e Róbson (Edmílson).
Técnico: Nelsinho Baptista.

Bragantino: Marcelo, Gil Baiano, Júnior, Carlos Augusto e Biro-Biro; Ivair, Mauro Silva (Franklin), Robert e Tiba; Mário (Sílvio) e João Santos.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

SEGUNDO JOGO

26 de agosto de 1990       

Bragantino 1 x 1 Novorizontino 

Estádio Marcelo Stéfani, Bragança Paulista

Gols - Fernando Gol 21' (2ºT) e Tiba Gol 26' (2ºT)                             

Público: 15.000

Renda: Cr$ 8.505.000

Árbitro: José Aparecido de Oliveira

Bragantino: Marcelo, Gil Baiano, Júnior, Carlos Augusto e Biro-Biro; Mauro Silva (Franklin), Ivair, Mazinho (Robert) e Tiba; Mário e João Santos.
Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

Novorizontino: Maurício, Odair (Edmílson), Fernando, Márcio Santos e Luís Carlos Goiano; Marcão, Tiãozinho e Édson; Barbosa, Roberto Cearense (Flávio) e Róbson.

Técnico: Nelsinho Baptista.

Voltar

Todos os direitos reservados do site pertencem a Alfa 3 Assessoria e Comunicação S/C Ltda